(Português do Brasil) Desplacamento de cerâmica para parede de concreto: veja como evitar

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil.

(Português do Brasil) Formas e Escoramentos SH presentes na modernização da Praça das Artes, em Barueri.

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil.

(Português do Brasil) SH PARTICIPA DA FINNEC 2019 – FEIRA DA CONSTRUÇÃO NORTE/NORDESTE

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil.

(Português do Brasil) A Assistência Técnica da SH é Nota 10!

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil.

(Português do Brasil) SH Participa da Obra do Sistema de Esgotamento Sanitário em Aracaju – SE

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil.

(Português do Brasil) Andaimes e Escoramentos SH auxiliam na construção de Resort em Gramado

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil.

(Português do Brasil) Soluções SH na obra do BRT em Belém.

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil.

Trincas X fissuras

Contribuição técnica de: Carlos Moreira, Supervisor de Contratos, Eduardo Vizzoto, Projetista. Fernando Borges, Supervisor de Assistência Técnica. Jaime Castro, Supervisor de Assistência Técnica.

Volta e meia as tricas e fissuras aparecem em algumas estruturas de concreto. A identificação é primordial para que esses problemas sejam solucionados em tempo e da maneira adequada. O texto abaixo reuniu as principais características das trincas e fissuras que podem ajudar a identificar cada tipo de patologia.

Fissura

  • A abertura é superficial. Atinge a pintura, massa corrida, azulejo;
  • A sua espessura é inferior a 0,5 mm;¹
  • Menor gravidade;
  • Estreita e alongada;
  • Não possui problema estrutural, portanto, geralmente, não é perigosa;
  • É importante observar se a fissura evolui com o decorrer do tempo ou se permanece estável, pois a fissura pode ser o primeiro estágio da fenda.

Trincas

  • É mais perigosa do que a fissura;
  • Espessura de 0,5 mm até 1 mm.²
  • A abertura é mais profunda e acentuada;
  • Ocorre a ruptura do elemento, separando em duas partes;
  • Pode afetar a segurança dos elementos estruturais da residência.

Além das fissuras e trincas, existe um terceiro tipo de patologia que é mais perigosa do que as citadas. Trata-se da rachadura, um problema que requer atenção imediata. Veja algumas características das rachaduras:

  • Sua espessura é acima de 3 mm;
  • Ocorre a ruptura do elemento, separando em duas partes;
  • A abertura é grande, pronunciada, profunda e acentuada;
  • É de fácil observação;
  • A água, o vento e a luz são capazes de passar através da parede ou teto danificado.

Existem algumas razões para que essas aberturas – fissura, trinca e rachadura – aconteçam. Podemos citar algumas causas comuns para esses problemas:

  • Retração de concreto, argamassa ou tinta: quanto mais água ou cimento houver na massa do concreto ou da argamassa, maior será essa retração, e esta pode ser observada por meio de fissuras. Outra situação é quando a tinta seca e apresenta retração, causando também fissuras na parede ou no teto.
  • Dilatação: quando expostas ao sol, algumas partes da casa dilatam e retraem mais do que outras, causando possíveis fissuras. A laje, por exemplo, dilata bastante com o sol.
  • Vibrações e trepidações: vibrações constantes podem afetar casas e edifícios. Exemplos disso são imóveis localizados onde há excesso de veículos trafegando na rua, acesso a metrô e inúmeras outras fontes.

Além dos exemplos citados, há outras razões para fissuras, trincas e rachaduras surgirem. Problemas com o fluxo de água ou lençol freático, problemas de execução, problemas de projeto também podem ser causas do surgimento dessas patologias.

¹ Segundo a NORMA DE INSPEÇÃO PREDIAL IBAPE/SP – 2011

² Segundo a NORMA DE INSPEÇÃO PREDIAL IBAPE/SP – 2011

Fonte: http://www.fazfacil.com.br/

Téchne:http://techne.pini.com.br/engenharia-civil/160/trinca-ou-fissura-como-se-originam-quais-os-tipos-285488-1.aspx

 

13 patologias mais comuns em concreto

Material técnico desenvolvido por Alan Magno, assistente técnico da SH.

Nos primeiros momentos após a concretagem e adensamento do concreto, devido à ação da gravidade, as partículas sólidas tendem a irem para baixo. A perda de ar e água que ocorre durante a concretagem causa uma redução considerável da massa de concreto em estado plástico (não endurecido). Se algum obstáculo impede que esse processo aconteça de forma homogenia poderão produzir fissuras ou o aprisionamento de ar.

As patologias mais comuns em obras de edificações são ocasionadas por: falhas na concepção do projeto, má qualidade dos materiais, erros na execução, aplicação para uso diferente do calculado e falta de manutenção no decorrer do tempo.

Em praticamente todas as obras em concreto podem surgir fissuras e trincas. Essas fissuras ocorrem devido a ações mecânicas ou químicas. Diferentemente de rachadura, as trincas são semelhantes a fissuras, pois possuem aberturas maiores que 0,5mm. Já as rachaduras são bem mais acentuadas e em alguns casos pode abrir uma fenda de um lado a outro da parede. As fissuras podem ocorrer por uma carga superior da prevista em projeto, mudanças na estrutura ou por deficiência dos materiais utilizados.

Conheça 13 patologias mais recorrentes no concreto:

1-Patologia ocasionada pelo aprisionamento de ar na concretagem.

ar_1 (1170 x 2080)

2-Patologia ocasionada pela má fixação do conduíte.

conduite_2_novo

 

 

 

 

 

 

 

3-Patologia ocasionada devido ao tempo excessivo entre as concretagens.

tempo_3_novo

 

 

 

 

 

 

 

 

4-Patologia ocasionada pela utilização de desmoldante de madeira em painéis de alumínio.

desmoldante_4_novo

 

 

 

 

 

 

 

5-Patologia ocasionada pela corrosão das armaduras na base do pilar.

5

 

 

 

 

 

 

 

 

 

6- Patologia ocasionada pela alta densidade da armadura e com recobrimento insuficiente.

6

 

 

 

 

 

 

 

 

 

7- Patologia ocasionada pela ação da corrosão da armadura em laje.

7

 

 

 

 

 

 

8-Patologia ocasionada pela ação da corrosão em vigas.

8

 

 

 

 

 

 

9-Patologia ocasionada por lixiviação de compostos hidratados

9

 

 
10-Patologia ocasionada pela falta de qualidade e recobrimento inapropriado.

10

 

 

 

 

 

 

 

 

 

11-Fissuras

Fissuras_11

 

 

12-Trincas

trincas

 

 

13-Rachaduras ou fendas.

rachaduras e fendas

O uso adequado dos materiais, treinamento da equipe, controle de qualidade mais rígido e acompanhamento tecnológico são investimentos que podem amenizar esses tipos de problemas que frequentemente vemos em obra. Especialistas advertem que a inobservância desses princípios básicos pode encarecer o empreendimento em até 05 vezes o seu preço inicial.